08/11/2010

Ourivesaria Assaltada em Faro

Uma ourivesaria da baixa de Faro foi esta madrugada assaltada, estimando o seu proprietário que o prejuízo seja superior a 100 mil euros.

"Levaram relógios, ouro, prata, tudo o que estava no interior, no valor de mais de 100 mil euros", lamentou à Lusa Carlos Ferreirinha, o proprietário  da ourivesaria Santo António, situada há mais de 25 anos naquela zona da cidade algarvia.

O proprietário disse ainda que não tem seguro "porque é muito complicado obtê-los para ourivesarias".
Esta é a terceira vez que o estabelecimento é assaltado e segundo Carlos Ferreirinha, a loja localiza-se dentro do Centro Comercial Atrium que tem "o alarme avariado" e não possui vigilância porque "só tem duas lojas abertas ao público". 

Os assaltantes terão "entrado pela parte traseira do Centro Comercial, que não tem grades", suspeita Carlos Ferreirinha, adiantando que o caso está entregue à PSP e Polícia Judiciária.

 

 

Casal octogenário agredido por assaltantes

Um casal de octogenários foi agredido na sua residência, em Faro, por dois homens encapuzados com um bastão, durante a madrugada de domingo.

Os dois indivíduos terão entrado na residência com o objectivo de assaltar, tendo atado os dois idosos com fita adesiva, agredindo-os depois com um taco de beisebol.
A mulher ficou com graves ferimentos e fracturas, tendo sido levada para o hospital da cidade em estado de coma.
Dois outros familiares das vítimas, que residiam na mesma casa, foram também atacados, tendo ficado apenas com ferimentos ligeiros.

 

"C.M."

2 comentários:

Carlos Garcia disse...

É degradante saber destas coisas.
Onde raios está a polícia em Faro? O que anda a fazer?

Anónimo disse...

Em 25 anos nao conseguia ter um seguro????? Acho que nao deve e querer pagar um seguro que acredito que seja bem caro. Mas do nao querer ao ser assim tao complicado........